Plano de Saúde Empresarial: Confira Dicas Para Reduzir os Custos!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Plano de Saúde Empresarial - Dicas Para Reduzir Custos

Como já falamos por aqui, os benefícios corporativos, como o plano de saúde e seguro de vida são formas de reter e atrair talentos para as empresas.

Algumas pesquisas apontam que esses benefícios tornam os colaboradores mais satisfeitos, comprometidos e consequentemente, mais produtivos.

Pensando nesses benefícios muitas empresas procuram contratar por exemplo, o Plano de Saúde Empresarial, contudo enfrentam o desafio de encontrar coberturas que atendem as necessidades da empresa e que não oneram o orçamento. Se você passa por essa situação, então leia esse post até o final e confira as principais dicas para redução de custos no Plano de Saúde Empresarial sem perder a qualidade ou contratar o mais adequado!

Se sua empresa já possui um plano e procura reduzir custos

1 – Oriente os beneficiários sobre o bom uso do plano

Em geral, contratos de Planos de Saúde Empresariais são reajustados por faixa etária e também por índice de sinistralidade, por esse último motivo é importante que a empresa oriente seus colaboradores sobre usar racionalmente o plano, isso não significa que eles não devam usar o plano, eles tem esse direito garantido, porém é interessante estabelecer um critério para não gerar desperdícios. É bom para ambas as partes, principalmente em planos de saúde empresariais onde os funcionários arcam com parte do valor da mensalidade, em um eventual aumento do valor por sinistralidade ou cobrança de coparticipação, ambos terão que desembolsar um valor a mais.

2 – Prevenir é sempre melhor que remediar

Invista em prevenção com programas de saúde corporativos. Muitas operadoras de plano de saúde contam com esse benefício para a empresa.

Os programas de saúde corporativos abrangem diversas áreas como nutrição, atividades físicas, ergonomia e campanhas de prevenção ao câncer por exemplo, dessa forma, os colaboradores se manterão saudáveis e assim, o índice de sinistralidade da empresa diminuirá e os reajustes serão bem menores.

3 – Avalie os contratos

Sempre busque avaliar os contratos de benefícios que a empresa possui, inclusive o do Plano de Saúde Empresarial, assim você pode garantir que as coberturas estarão sempre sob medida e eventualmente poderá reduzir os custos!

Se você verificar que o contrato não está lhe atendendo ou até mesmo, que ele tem coberturas maiores do que sua empresa realmente precisa, pensem em realizar um downgrade para um Plano de Saúde inferior ou até mesmo uma mudança de operadora, nessa última situação, conte com a ajuda de uma corretora de planos de saúde como a Segmental Corretora, pois com base em suas necessidades, iremos oferecer as melhores opções.

Se sua empresa ainda não possui um plano de saúde, mas quer um plano que não onere os custos

Se a sua empresa não tem nenhum plano vigente e você entende que é o momento de contratar, mas tem receio devido a possibilidade de onerar os custos, primeiramente, coloque no papel as vantagens como:

– Se você é sócio também pode aderir ao Plano de Saúde Empresarial com seus dependentes;

– O valor da mensalidade, mesmo para as faixas etárias maiores tem valor inferior a uma diária de internação;

– Se você pretende contratar um Plano de Saúde Empresarial para um grupo maior do que  29 pessoas (sócios, funcionários e dependentes) pode contar com isenção de carências para quase todos os procedimentos, o que em um plano de saúde individual ou coletivo por adesão, não é possível;

– Os valores das mensalidades mesmo nos Planos de Saúde para MEI (Microempreendedores Individuais), são bem menores do que os planos de saúde individuais ou por adesão;

– Na maioria das operadoras, você terá direito a uma rede de farmácias com desconto para a aquisição de medicamentos;

– Em tempos de pandemia, orientação médica online é super importante, e esse é um serviço incluso na maioria dos planos de saúde nacionais, sem custo.

Agora pense em tudo o que você gasta com despesas médico-hospitalares durante o ano e ainda quanto gastaria em um evento inesperado, como a necessidade de um atendimento de urgência por fratura. Vale ou não a pena?

Pense também, como já citamos, na melhora da qualidade de vida, bem estar e retenção dos seus colaboradores. Sabe-se que a rotatividade alta também impacta diretamente no orçamento e desempenho da empresa, pois há um custo no processo seletivo e uma curva de aprendizagem para o novo colaborador.

Então, além de todas essas considerações se sua empresa pretende realizar a contratação de um plano de saúde novo, é importante contar com os serviços especializados de uma corretora de planos de saúde, pois primeiramente será feito um levantamento de necessidades para somente então, apresentar as melhores opções!

Nesse processo, conte com a Segmental Corretora! Para solicitar uma cotação, basta clicar aqui.

E se você gostou do conteúdo, compartilhe em suas redes com seus amigos!